Die Welle (A Onda)

Conheci esse filme em 2008, eu sempre costumo acompanhar as novidades dos festivais de cinema, só pra ficar passando vontade mesmo, porque leio as sinopses e sei que vai demorar no mínimo um ano e meio pra eu poder assistir (o tempo de sair em dvd em algum país e poder baixar), já que esses filmes estrangeiros dificilmente chegam no cinema de Brasília, só aparecem em alguns cinemas de São Paulo e Rio. É triste!
De qualquer forma, depois de tanto esperar acabei vendo esse filme na aula, estava tão na cara que minha empolgação, que tive que me conter. Eu odeio ver filme sentada, até no cinema me estresso se a sala estiver cheia e eu não puder colocar o pé na cadeira da frente. Mas esse eu VI sentadinha, e nem fiquei incomodada :)
Acho que todo mundo que me conhece sabe que eu vejo muito filmes e documentários sobre a Segunda Guerra, e leio também. Esse não é de guerra, mas tem uma ligação muito forte.



Saindo um pouco dos filmes britânicos (#aleluia), esse filme é alemão. Em A Onda (Die Welle) um professor de Autocracia, percebendo o desinteresse dos alunos pela matéria, decide fazer uma atividade diferente, pra mostrar como "grupos" são feitos, cria um movimento fictício chamado "A Onda", eles começam por escolher o professor como líder do grupo. Aos poucos vão começando a usar um uniforme (uma simples camisa branca), criam um símbolo, uma saudação e uma ideologia. Colegas que se odiavam viram meio que "irmãos" pela causa, e tudo só vai aumentando: mais pessoas vão se juntam ao grupo, eles começam a pichar pela cidade os símbolo, vão parar em jornais e uma coisa que era só pra ser um trabalho de escola acaba tomando grandes proporções.
O que os alunos disseram que nunca poderia voltar a acontecer, uma ditadura, acaba acontecendo com eles mesmos.
Qualquer um que tem o mínimo conhecimento sobre como foi o movimento Nazista, logo de cara percebe as semelhanças, tudo começou assim, bem pequeno e todo mundo sabe no que deu né...
No discurso do professor bem no final do filme, ele gesticula e grita tanto, que lembra o Hitler na hora, é de dar arrepios!

Tudo pra mostrar que até uma coisa aparentemente simples, acaba sendo levado aos extremos quando as pessoas se unem por uma causa.

É bom pra analisar cada tipo de pessoa, e as suas reações. Sem falar que no começo do filme, quando o clima tá mais calmo dá pra conhecer um pouquinho dos jovens alemães, já que aqui não temos muito acesso a filmes de lá. RECOMENDO!

Die Welle
Direção: Dennis Gansel
Elenco: Jürgen Vogel, Frederick Lau, Max Riemelt,Jennifer Ulrich e Christiane Paul
Trailer: http://www.youtube.com/watch?v=i3xGwBy9tsk



x Estou pensando em fazer um post com algum filme francês logo, conhecem "La belle personne"? Quero ver também "LOL(Laughing Out Loud)", se eu conseguir comento sobre :)

x Gente que vergonha, já estou no 3o livro da série Georgia Nicolson, mas é tão divertido que não quero parar hahaha :X



xoxo

Escrito por Fernanda Xavier

    Comentários Blogger
    Comentários Facebook

17 comments:

Liv disse...

Fiquei com vontade de ver esse filme! Não costumo ver muita coisa da Segunda Guerra não, mas eu até gosto muito. :)

Bjs.

Dandra disse...

Quando vi as fotos, pensei que fosse outro filme, o Entre os muros da escola, que ainda nem vi.

Gostei desse, quero ver. Imagino sua empolgação hehe

Polie disse...

Fiquei com medo só com seu relato. Tipo, eu fico nervosa vendo esses filmes, até gosto, mas bate um medinho.
Parece genial a história, espero que o diretor tenha ganhado algum prêmio. (?)
Aah posta sobre um filme francês. =D
;*

meli disse...

Putz, eu tive a oportunidade de ver esse filme no Embracine duas vezes que estava no casa park e troquei ele por outros dois filmes q eram tão inúteis que nem me lembro quais eram...rs

Acabei vendo em casa e amei!

Dá pra tirar uma boa lição de como vc pode mover alguém a fazer o que vc quer e a merda que vc quiser. E como as pessoas são influenciáveis!

E como os que não são acabam sendo rechaçados por isso. Por serem os únicos a verem o que os outros não conseguem enxergar: Manipulação!

Amei o post. Sempre venho aki, mas nunca escrevo prometo vir mais.

Nanda Grubstick disse...

Liv, esse não é da segunda guerra, mas tem muitas referências ao nazismo :/ o que acaba dando no mesmo né, já que é coisa que eles fizeram.

Nanda Grubstick disse...

Dandra, eu quero ver esse "Entre os muros da escola" também, é um francês né?
tipo Escritores da Liberdade? Passou um tempo desse no telecine mas eu perdi :(

Nanda Grubstick disse...

Polie, o filme ganhou 3 prêmios, dois na Alemanha e um no festival de Istambul (esse foi pro diretor :)

:*

Nanda Grubstick disse...

Bárbarahhhhh, dá muita raiva disso, quando a gente perde um filme no cinema por falta de atenção :(
As pessoas são influenciáveis demais, é só dar uma vantagem que eles aceitam qualquer coisa :/
:*

Ps. estou esperando seu post :)

Rod disse...

Olá! =)

Por incrível que pareça eu achei a história desse filme interessante! o_o Acho legal filmes q usam metodos menos comuns de estudo para chamar a atenção dos alunos e eles realmente aprenderem.

:*

Karlinha disse...

Estou querendo ver esse filme faz algum tempo sabe?
Lá no curso( facul*) o prof mandou a gente ver esse filme*|

Karol disse...

Assim como você, ouvi falar de "A Onda" pela primeira vez em 2008, em uma matéria na SuperInteressante. Acabei nem vendo na faculdade, já que não fui a essa aula de Sociologia, então finalmente baixei para fazer a resenha... E não me decepcionei, mas ter esperado tanto fez com que eu criasse expectativas, então sabe como é! E o mais incrível é que foi baseado em uma história real...

Nanda Grubstick disse...

Karlinha, os professores sempre gostam de passar esse filmes sobre sala de aula pra gente :P

Nanda Grubstick disse...

Karol, mesmo ficando curiosa pra ver alguns filmes, eu me recuso a esperar muito deles, pq esperar demais é caminho certo pra decepção!

AnaPaula disse...

AAAA, que chique! Eu lembro que na época que a UnB dava aula (XP), dois professores meus viviam mencionando esse filme!
Nanda super cult, postando sobre filmes que professores universitários recomendam, muahahahaha XD
Filmes da 2 Guerra são os melhores, mas esse aí parece beeeem psicológico. Vou gostar, certeza.

Nanda Grubstick disse...

Ana, tá vendo? já sou gente grande! Mas eu queria ver esse filme desde antes de começar as aulas, então não conta como "filme recomendado" rs
Assiste mesmo, vc vai gostar
:*

Vitor Souza disse...

Vai ter uma versao hollywoodana de LOL protagonizada por ninguem mais nem nemos que Miley Cyrus! como mãe dela, teremos Demi Moore (é ela sim, aquela das panteras e mulher do Ashton Kutcher)

Nanda Grubstick disse...

Eu fiquei sabendo que a Demi iria fazer um filme com a Miley (viva o JJJr :P), mas não sabia que era LOL :O que m********
:*

Postar um comentário

Pode falar. Nós retribuímos os comentários e respondemos qualquer dúvida. :)