Menina de vinte

Oiii, depois de uma pequena (ok, não tão pequena assim) "pausa" aqui no blog, eu voltei. Voltei pra cá e pra minha vida real, fazer o que não é? Não dá pra ficar naquele frio maravilhoso e "admirando as paisagens" a vida toda hahaha. Talvez eu faça alguns posts sobre Londres depois, mas isso vai depende de vocês, não vou ficar enchendo de posts sobre isso se não é do interesse geral. Se alguém quiser saber de alguma coisa, só comentar.

Enfim, UAU, que saudades que eu estava disso aqui (do blog, eu digo). Vocês não tem IDÉIA, eu to atrasada com os blogs, com meus livros e com minha séries (dá pra acreditar?!) !! Porque não tinha cabimento ficar postando e assistindo séries todo dia, eu tinha que aproveitar, porque 2 meses pode parecer muito tempo, mas é quase nada. Juro. Passa voando.

Bom, e o momento para falar desse livro não podia ser mais oportuno. Comecei a ler quando estava esperando no Aeroporto pra voltar pra casa :( , então cada comentário da Lara sobre Londres me empolgava, cada lugar que eu conhecia me deixava com um sorriso enorme na cara hahahaha, pensei que ia ficar deprimida e nostálgica, mas não foi o caso.


Menina de Vinte
Autora: Sophie Kinsella
Editora: Record
Páginas: 496

Apesar dessa capinha feia (desculpa aí) que me fez debochar do livro de cara, Menina de Vinte é adorável. Prende desde a primeira página, nada muito doido, é leve e emocionante ao mesmo tempo. Me fez arrepiar algumas vezes, e QUASE me arrancou algumas lágrimas.

A protagonista do último livro da Sophie publicado aqui é a Lara, ela não é muito diferente das suas "irmãs" Becky, Emma e Lexi: doidinha, empolga e apaixonada. Tirando um pequeno detalhe, ela pode ver fantasmas. Ok Ok, não é como a Suze, na verdade ela pode ver só uma fantasma, sua tia-avó Sadie. Essas visões começam quando ela e sua família vão ao velório da tia-avó de 105 anos que ela não nunca conhecer na vida, onde a fantasma de 20 e poucos anos dessa tia aparece e põe e coitada louca atrás de um colar que foi dela a vida inteira. Sadie é uma 20's girl que adora dançar, dar palpite na vida de todos e parece ter uma opinião (muito debochada) sobre tudo, e ela não vai deixar a Lara em paz até encontrar o bendito colar.

Junte tudo isso com uma empresa afundando, melhor amiga sócia que fugiu e largou os negócios nas suas mãos (bem inexperientes diga-se de passagem), ex-namorado que sumiu e não atende ou responde suas milhões de mensagens (IMAGINE SÓ!!!!!!!!!!!!). Com tanta coisa na cabeça era de se esperar que a coitada da Lara surtasse, mas ela consegue levar tudo (mais ou menos) numa boa.

A narrativa não tem muita enrolação, cada conversa ou descrição dura exatamente o quanto precisa durar. O que faz o livro prender TANTO. Não tem como cansar.
E essa quote:

"Só eu mesma para ter um momento vergonhoso e dolorido no ponto turístico mais importante de Londres."
Foi pra me matar, porque eu também tive um momento desses na London Eye, e posso garantir que é uma porcaria. Você se sentir deprimida em um lugar tão perfeito te faz se sentir muito mal por isso hahahaha então é meio que um circulo vicioso. Tenso.

A mistura de chick-lit + fantasmas (de leve) parece esquisita, mas ficou bem interessante. Engraçado, fofo e envolvente.
Só me diz uma coisa, qual é a relação da Sophie com americanos? hahaha Acho que esse é o segundo livro dela que leio onde o moço da protagonista é made in U.S.A.

A editora british que publicou o livro fez esse vídeo bem legal pra divulgar o livro em 2009, vale a pena assistir, é pequeno mas tem um resuminho bem digno da história:


xoxo

Nanda

Ps. Eu ainda levo jeito pra essas coisas?? Porque depois que eu começo a escrever não consigo mais parar, é como a Bridget Jones e sua "incontinência verbal", mas a minha além de de falar, é de escrever também.
Ps2. Comentem pra eu saber se alguém ainda vem aqui ;)

Escrito por Fernanda Xavier

    Comentários Blogger
    Comentários Facebook

8 comments:

Rafah disse...

Nandaaa, oieeeee ;)
Aiii parece ser bem fofo esse livro, adorei o video ;D
Eu não me incomodo com posts sobre Londres!Ahahaha Beijão!

Tatiana disse...

Eu ainda venho aqui! Aliás, também andei bem sumida, mas não estava toda feliz em Londres como certas pessoas que eu conheço! =) Eu estava era ocupada mesmo, com faculdade, problemas... ¬¬'
Mas enfim, vamos falar do livro! Primeiro que eu MORRO de vontade de lê-lo - eu li O Segredo de Emma Corrigan e ri MUITO! Não a todo momento, mas o livro me deixou com aquele sorriso bobo na cara a maior parte do tempo! E eu vi que você estava lendo desde a época que a Fernanda estava lendo e não está andando muito. Não desista!

Acho que você tem que fazer posts de Londres sim! Todo mundo aqui (eu imagino) está morrendo de curiosidade pra saber como foram os últimos dias, como foi estudar lá, se vale mesmo à pena ou não (acho que vale sim, mas é legal ter a opinião de quem realmente viajou)... E se você encontrou o taxista! \o/

E eu acho que você ainda leva o jeito sim! =D Eu adorei a sua resenha!
Como assim você ficou deprimida na London Eye? =(
Esse negócio dela com os mocinhos americanos... Bem, às vezes é só comigo, mas o americano chama muito mais a minha atenção do que o britânico! NÃO ME BATE! Mas é o que acontece comigo.
E, veja bem, é bem exótico esse negócio de atração com pessoas de culturas diferentes (ainda que falem a mesma língua). Talvez seja por isso que ela cria esses personagens! :)

Esse vídeo do livro é bem bonitinho! *-* Mas acho que o americano tinha que ter o cabelo mais comprido. Sei lá, só acho que tinha mesmo. =)

Estava morrendo de saudade! \o/
Beeijo! ;3

Nanda Grubstick disse...

"E, veja bem, é bem exótico esse negócio de atração com pessoas de culturas diferentes"

TELL ME ABOUT!!!!!!!!!!!!!!!!!!! HAHAHA

mas infelizmente não vi o taxista bonito de novo :(

Tatiana disse...

Ah, era meio difícil você ver ele mesmo, mas não ia ser MUITO engraçado se acontecesse?? XD
Eu ia rir muuuito! Ia ser A Coincidência do Ano!

Beeijo! ;3

Dandra disse...

Oi Nanda!

Saudades das suas resenhas de livros, e antes de começar a falar do livro, quero deixar claro que eu sou uma das pessoas que deseja que vc faça posts sobre sua linda viagem a Londres. Conte tuuuuuuuuuuuuudo!

Voltando ao livro... Adorei o jeito que vc descreveu a história, tenho a impressão que vc escreveu de uma forma mais madura, sem aquelas carinhas (sabe? aquelas que vc não conseguia deixar de usar?). Então, isso ai, vc resenhou um livro muito bem, descreveu o enredo, tudo e eu ameiii!

Achei o book trailer bem fofo. Quero muito, muito esse livro da Sophie.

Bjs

Dil disse...

Como se os homens americanos fossem perfeitos né?
aff, em todos os filmes são uns safados galinhas hahahahaha

quero ler esse livro tbm, a Becky é ótima a Lara deve ser tbm!

Barbara disse...

Naaanda,que bom que você voltou!
Tava morrendo de saudade dos seus posts, seu blog faz meu dia melhor :)

Fernanda Leite disse...

Ok, como assim eu fiquei um tempão sem vir aqui comentar? Vou te contar, faculdade está me atrasando em várias coisas...

Enfim: bem-vinda de volta! Apreoveite o calor infernal, o tempo seco, tudo de melhor que o nosso país pode nos oferecer! \o/ ¬¬' Tá, dá vontade de sair correndo de volta pra Londres, né? Fique calma. Você vai voltar, é só uma questão de tempo!

Eu tenho muita vontade de ler esse livro! O primeiro que li da Sophie foi O Segredo de Emma Corrigan, e ADOREI! O Jack é ótimo, esses americanos... Acho que é bem o que a Tatiana falou, é exótica essa mistura de culturas... Quero um pra mim!
Essa capa não é das minhas preferidas, mas não acho tão ruim assim... Gostei da roupinha que a moça usa! =D

Ah! Faça posts sobre Londres sim! Sobre a moda, as pessoas, os costumes... E, lógico, os caras lindos. Porque ir para um lugar que você tem vontade de conhecer é uma coisa, ir sabendo que lá tem muito cara lindo é outra completamente diferente. Talvez até mais atrativa! (Tá, estou soando como uma perseguidora de homens...)

Beeijo!

Postar um comentário

Pode falar. Nós retribuímos os comentários e respondemos qualquer dúvida. :)