the end

15.07.2011 - 00:01


Eu já disse mais de uma vez tudo que tinha pra dizer:





ps. quando eu estiver em condições faço alguns comentários sobre o filme.
ps. o que faço da vida agora?




Escrito por Fernanda Xavier

    Comentários Blogger
    Comentários Facebook

9 comments:

Raysa Soares disse...

Eu pretendo comprar os livros, (já que todos eu peguei emprestado com vc),reler e ver todos os filmes e ter filhos para lerem os livros e verem os filmes e ficaram empolgados com a história e eu falar 200 vezes para cada filho como Harry Potter fez parte da minha vida!!!!

disse...

Passeei pelos seus posts antigos ontem... Ontem foi O DIA pra eu chorar que nem uma louca por causa de Harry Potter. Ainda estou sentindo aquele vazio chato, gostaria muito que ele fosse embora algum dia.
Vou sentir muita falta de esperar por algo novo. Espero que o Pottermore seja interessante e preencha, pelo menos um pouquinho, esse vazio.
E meus filhos que me aguardem: não quero nem saber, vão ler Harry Potter, sim!
Beijo :)

Hellen disse...

Eu já te disse no twitter que super me identifiquei com seu primeiro link :´). É muito triste tudo tá acabando, depois de tanto tempo era até como se fosse mesmo parte nossa. Mas ao menos ele conseguiu durar tanto tempo e nunca perder o brilho que teve desde o início. Toda as gerações passada tem um orgulho da sua época que foi de alguém da música, cinema ou uma moda de roupa. Nós vamos poder nos orgulhar por termos feito parte de uma geração que se uniu por amor a uma série de livros de uma forma inexplicável *lágrimas*.

Anônimo disse...

E colocar o nome do filhode Alvo Severo para eternizar.

Hellê disse...

deu vontade de chorar again com seu post, tb não sei como será minha vida daki pra frente, mas procuro não pensar =//

bjoos nanda ;**

Hellê disse...

ps.: nem comentei sobre o layout, tinha tempo q eu não vinha aki, que liiindo o lay novo, ameeei *-*

Leticia disse...

OMG, estou quase curada da depressão pós HP7.2, QUASE.
estou linkando o blog ok??

p.s.: comecei a assistir Switched at Birth e estou viciada!

Anônimo disse...

Esse gif é tão bonito :) :( :)
Ainda não tive coragem de assistir, acredita? Dá uma dorzinha no coração pensar que não há mais o que esperar, então to guardando o último filme por mais um tempo hahaha

Tatiana disse...

Own, estou sentindo pontadas no coração. Eu vi a última parte e só uma vez. Só uma. E nem foi 3D, porque Campo Grande é um buraco e prefere deixar Capitão América em 3D. Capitão América. Ele tipo nem tem luta com o Voldemort, como pode ser mais importante? Ainda mais que ele não faz parte de uma franquia de 8 filmes que estava chegando ao final. Era só mais um filme que um monte de gente vê, diz que é muito bem feito, mas não tem nenhum apelo emocional. Nada tem o apelo de Harry Potter.

Eu fui ver com a minha mãe, a Fernanda e a mina avó materna. A minha avó é legal, veja bem, mas ficar rindo porque você está chorando durante os créditos e dizendo que "é só um filme, não tem necessidade" não é coisa que alguém deveria dizer. Ainda mais se esse alguém começou a chorar ainda no início do filme. Bem no início, pra ser sincera.

Eu chorei muito. Chorei pelo Snape. Chorei porque o Voldemort é covarde (e burro, porque sejamos francas: matar o Snape com uma cobra NÃO faz dele o Senhor das Varinhas! HELLO!) Chorei pelo Dobby. Chorei pelas alterações que fizeram e que eu achei meio Hollywood demais. Chorei porque a Narcisa devia estar sofrendo pelo safado do Draco. Chorei porque o Fred morreu (e chorei muito). Chorei porque os filhos do Harry foram pra Hogwarts e eu ainda não fui. Chorei com a música dessa parte, porque eu sempre choro em HP1 com essa mesma música. Chorei porque o castelo ficou destruído. Chorei porque quase todo o elenco já fez Razão e Sensibilidade e nunca vi ninguém reunido pra lembrar os velhos tempos (tah, eu não chorei por causa disso, mas isso me passou pela cabeça durante o filme). Chorei porque tinha uns babacas na sala do cinema que falavam MUITA abobrinha em horas inoportunas e porque muitos deles não vão crescer nunca. Chorei porque acabou.

Eu saí do cinema meio sem rumo. Quer dizer, o meu primeiro rumo foi o banheiro, porque eu sabia que a minha cara estava inchada o suficiente pra acharem que eu tinha perdido o amor da minha vida no aeroporto ou porque podia ter visto Um Amor pra Recordar, e não Harry Potter.
Mas eu não conseguia comentar o filme. Só algumas coisas com a Fernanda. Mas estava tão vazia, tão... Ainda não sei dar palavras ao que eu senti.
Ainda naquele dia, pela manhã, eu vi aquela entrevista que a JK deu pra Oprah, e de uma coisa eu estava certa: por mais que tenha acabado, eu estava feliz por ter acabado uma fase tão boa de uma forma tão bonita. Não fiquei revoltada porque mais filmes tinham que ser produzidos ou porque ver HP no cinema nunca mais ia acontecer.
Fiquei triste porque acabou. Assim. Agora não tem mais ansiedade, filas de espera no cinema. Acabou.

Só fiquei meio triste esses dias atrás, que finalmente tinha me tocado do que o Dumbledore estava falando com o Snape sobre a Lílian. Tipo, eu LI o livro, como não lembrava de algumas coisas? oO'
Acho que é disso que eu tenho medo. De esquecer os detalhes.
Mas vou lutar pra que isso não aconteça. Ah se vou!

Beeijo! ;3

Postar um comentário

Pode falar. Nós retribuímos os comentários e respondemos qualquer dúvida. :)