A Chegada

Foto: Divulgação
Eu sei que provavelmente você deve estar ensandecido pela Black Friday e pela busca de preços baixos... mas tempo será preciso, pois temos de falar sobre “Arrival” (A Chegada, em português), filme da Sony Pictures baseado na obra de Ted Chiang – A história da sua vida e outros contos - e que chega aos cinemas brasileiros nesta quinta-feira, 24 de novembro.

Foto: Divulgação
Após a convocação do coronel Weber (Forest Whitaker), uma equipe liderada pela especialista linguista Louise Banks (Amy Adams) e pelo físico Ian Donelly (Jeremy Renner) é encarregada de traduzir as comunicações e entender o propósito das naves espaciais que surgiram no planeta Terra. O que eles possivelmente podem querer? Guerra? Buscar ou oferecer conhecimento? A resposta pode ser perturbadora e surpreendente.

Pois bem, sem muita enrolação, este é um dos melhores filmes que assisti em 2016, se não, o melhor. A produção é simples, bem construída, bem dirigida e capaz de causar as mais diversas sensações nas pessoas. Em narrativa não linear, somos apresentados (sob perspectiva da protagonista) ao contexto vivido por ela. Suas angústias, suas alegrias, o clima mórbido e melancólico em que vive.

O elenco é muito bom e, apesar da história girar em torno de Louise, Ian e Weber na busca por respostas, o foco é na linguista e sua interação com os alienígenas. A química entre os personagens é boa, as falas têm sentido e momento para acontecer – embora eu não tenha gostado muito do personagem do Jeremy Renner – e nada fica exaustivo. Inclusive, gostei muito da maneira direta e reta utilizada pelos militares.

A direção de Denis Villeneuve (Sicario e Os Suspeitos) é genial. Os cortes agradam, os planos sequência, a escolha dos tons de cinza e adoção de elementos que compõem o clima pesado e o suspense necessários para levar a história adiante estão presentes e ajudam o espectador a entender melhor a trama. Esse é um filme que não fica se explicando demais. As coisas simplesmente acontecem e você precisa digerir o que se passa.

Gostei muito da fotografia e trilha sonora. As imagens das naves, os momentos de reflexão externos, os panoramas aéreos são de tirar o fôlego e apresentam uma beleza incrível. Já a trilha, por se encaixar perfeitamente no contexto da situação. **Aqui faço ressalva ao momento de entrada na nave, pois a sonoplastia do momento me incomodou um pouco.**

Em resumo: É um filme genial. Complexo, porém, de uma sutileza incrível. Não li o livro (ainda), mas o roteiro me pareceu muito bem adaptado, já que não senti falta de nenhum elemento que me fizesse compreender a história. Demanda atenção do espectador e que vale cada centavo do seu rico dinheirinho mesmo que seu ingresso não seja adquirido via Black Friday. O design das naves é incrível, os alienígenas e suas interações são ótimos e o desespero para decifrá-los e entende-los é corrosivo a ponto de fazer 2h passarem e você mal perceber.

E senhores... Amy Adams... prestem muita atenção na incrível atuação dessa mulher. Ela nos possibilita notar sua angústia, seu sofrimento, seu desespero e alegria em diversos momentos do longa. Houve um momento da história em que a respiração dela me fez ficar agoniado e, certamente você, leitor, também poderá sentir isso.

Detalhe... por algum motivo, a produção me fez lembrar de Death Stranding, novo jogo do Hideo Kojima.


Trailer

Ficha Técnica: The Arrival, 2016. Direção: Denis Villeneuve. Roteiro: Eric Heisserer – adaptação do Conto ”A História da sua vida e outros contos de Ted Chiang”. Elenco: Amy Adams, Jeremy Renner, Forest Whitaker, Michael Stuhlbarg, Sangita Patel, Jadin Malone, Julia Scarlett Dan, Abigail Pniowsky, Mark O’Brien, Tzi Ma. Nacionalidade: Eua. Gênero: Ficção Científica. Trilha Sonora Original:Johán Jóhannsson. Edição: Joe Walker. Fotografia: Bradford Young. Efeitos Especiais: Ryal Cosgrove. Distribuidora: Sony Pictures Brasil. Duração: 01h56min.

Nota: 5/5

Te vejo em breve. ;D

Escrito por Leandro Lisbôa

    Comentários Blogger
    Comentários Facebook

0 comments:

Postar um comentário

Pode falar. Nós retribuímos os comentários e respondemos qualquer dúvida. :)